Medo

medo1

Você é muito medroso(a)?

É inseguro(a)?

Quando vê seu chefe conversando com alguém, imagina que vai ser demitido(a)?

Se alguém lhe diz: “preciso conversar com você”, já começa a imaginar o pior?

Quando vai viajar, imagina que poderá sofrer um acidente?

Quando sai de casa, fica imaginando que será assaltado(a) ou sofrerá alguma violência?

Tem dificuldades de tomar decisões?

Precisa sempre da opinião de alguém para fazer alguma escolha?

Tem dificuldade de confiar nas pessoas, pois acha que vai ser traído(a)?

É possessivo(a), ciumento(a) e controlador(a)?

Bem, se você respondeu SIM a quase todas essas perguntas, posso dizer que o MEDO domina a sua existência e o medo é um dos sentimentos de mais baixa frequência.

Pessoas medrosas podem apresentar dois comportamentos:

  • covardia

  • agressividade exacerbada

Os covardes escondem-se e fogem de tudo, não conseguem assumir responsabilidades.

Mas muitos medrosos são valentões,  estão sempre dispostos a brigar, são defendidos,  vivem com as pedras nas mãos porque acreditam que “a melhor defesa é o ataque”. Porém, por trás dessa máscara de valente, existe uma pessoa medrosa e insegura.

O medo faz a pessoa paralisar diante da vida, não progredir e perder oportunidades. Pessoas medrosas desenvolvem comportamento possessivo, controlador, pois sentem medo de serem enganadas e traídas. São rigorosas cumpridoras das leis porque temem ser repreendidas.

Pessoas assim, em desequilíbrio, são autoritárias e doentiamente desconfiadas. Pelo fato de não possuírem qualquer sentimento de valor próprio, entregam-se à dependência de alguma “força maior”.

De masoquistas passam a sádicos que dirigem seu ódio acumulado contra os outros e querem compensar seu sentimento de inferioridade por um complexo de superioridade. De vítimas do medo passam a causadores de medo.

Mas o que é preciso para sair desse padrão e se tornar mais seguro?

O principal desafio de pessoas medrosas é desenvolver a fé!

Precisam aprender a libertar-se da constante direção vinda de autoridades e assumir a responsabilidade por sua vida e sentimentos.

Precisam sacudir de si aqueles fantasmas mentais que dominam sua existência.

É necessário libertarem-se de suas compulsões e fortalecer a confiança em Deus e na autoconfiança.

Devem treinar com afinco para chegar a decisões sem pedir licença a autoridades.

Todos os exercícios corporais que visam uma sadia autoconfiança podem ser

recomendados, como Tae Won Do e Judô.

 

Através da Numerologia Cabalística, eu identifico os padrões de comportamento do cliente e, com o uso da Radiestesia,  indico as Essências Cristais de Oz que ajudarão a quebrar esses padrões, dando mais segurança,  autoconfiança e autonomia.

Leia o depoimento de uma cliente que fez uso dessas essências:

“Eu comecei o meu tratamento com a Rossana em fevereiro de 2017 e logo no primeiro mês, percebi uma melhora profunda nas minhas atitudes, sendo que uma delas, foi enfrentar o medo de dirigir, pois só fazia trajetos curtos, em locais com pouco movimento e ficava muito apavorada com o trafego dos veículos. Hoje superei todo esse conflito e medo de dirigir e me encontro muito feliz por essa superação na minha vida.

Atualmente, me sinto mais focada nos meus objetivos de vida, mais segura, confiante no fluir da minha vida.”

R.Z., Advogada, Rio Grande do Sul.

 

Atendimento presencial e à distância com hora marcada:

(16) 99102-9302

Rossana Bentivoglio – Terapeuta Energética e Facilitadora do Sistema Cristais de Oz

 

 

 

 

 

 

 

 

Um comentário em “Medo”

  1. Eu sempre penso em coisas boas e em finais felizes , minhas filhas dizem qte uso lentes cor de rosa mas conheço pessoas assim e vou repassar para elas qte precisam! belo artigo !!! belo trabalho ! parabéns!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s